ESCOLA DA VIDA

 

O GASPORTO é uma Escola de Vida, na qual cada voluntário cresce individualmente, em grupo e na relação com os outros. A aposta na formação é estratégica para o grupo, pelo que, anualmente, é organizado um conjunto de atividades.

Reuniões
quinzenais

Fins de semana
de trabalho

Fins de semana
de reflexão e de balanço

Caminhada a Santiago de Compostela

Estes encontros têm como principais objetivos apresentar temas importantes para o desenvolvimento do voluntariado e para o crescimento pessoal e coletivo dos voluntários; realizar dinâmicas para fomentar a união de grupo; organizar atividades de angariação de fundos; e transmitir informação técnica através da participação de professores e de outros especialistas convidados pelo GASPORTO.

Durante o ano, realizam-se cinco fins de semana de trabalho em diferentes instituições, nas quais os voluntários integram e participam nas atividades e promovem dinâmicas para debelar carências identificadas.

O fim de semana de reflexão e o fim de semana de balanço são iniciativas internas de formação e constituem momentos de paragem, de reflexão e de consolidação das motivações e dos objetivos individuais e de grupo.

A caminhada a Santiago de Compostela é o momento em que os voluntários partilham desafios, dificuldades, conquistas e alegrias, resultando na intensificação da união do grupo e no reforço do espírito de serviço.

Ser GASPORTO começa com o desafio de ser mais e melhor na vivência com o outro, o desafio de ser amor em tudo quanto somos e fazemos. É algo que cresce nos voluntários com tanta intensidade e em que tanto acreditam que se torna contagiante.

No seu voluntariado, assente no estar e na criação de relações de proximidade, os voluntários procuram, de forma humilde, reconhecer que o outro, seja ele um companheiro de luta, o idoso que visitamos todas as semanas, o menino a quem ensinamos português do outro lado do mundo ou alguém com quem nos cruzamos na rua, é tanto quanto cada um de nós.

 

Então, nesse contacto privilegiado de proximidade, na casa das pessoas, nas conversas de mãos dadas, procuramos contribuir para a reestruturação de trajetórias de vida marcadas por dinâmicas produtoras e reprodutoras de pobreza, desigualdade e exclusão social, cujas consequências as expõem à vulnerabilidade e operam graves consequências sociais nas suas vidas, provocando percursos de sofrimento e precariedade.

 

Através do voluntariado, procuramos que as pessoas se sintam dignas e humanas. Dizemos-lhes: “Eu estou aqui para o que precisar”. E, por isso, sonhamos e acreditamos que temos que ter coragem para estar onde é mais preciso a dar um pouco de cada um de nós ao mundo.

Projetos de voluntariado na cidade do Porto

Adultos em situação de

vulnerabilidade social

Crianças e jovens

Idosos

Missões

Nacionais

Internacionais

Consciente das necessidades existentes em várias regiões de Portugal, o GASPORTO organiza missões nacionais, que se realizam todos os anos nos meses de julho e agosto e que se dirigem a diferentes populações – crianças e jovens, idosos e pessoas com diversidade funcional. [SABER +]

Na vila da Macia, em Moçambique, o GASPORTO realiza missões de curta duração e longa duração, actuando em áreas como a saúde, a educação e a reabilitação de casas e infraestruturas, com bebés, crianças e jovens. [SABER +]

O GASPORTO está recrutar novos voluntários no grande Porto!!

Está nos teus planos para 2022 servires uma causa que toca no teu coração?

Queres fazer parte da família GASPORTO? Se respondeste SIM e se tens mais de 18 anos, esta é a tua oportunidade!